Concurseria prepara curso online para Soldado da Polícia Militar de Santa Catarina

A Polícia Militar de Santa Catarina (PM/SC) vai abrir concurso para soldado. O anúncio foi realizado em dezembro de 2017 pelo governador catarinense, Raimundo Colombo, mas não há ainda previsão de quantas vagas a corporação vai disponibilizar. Em 2015, foram abertas 619 vagas para homens e 39 para mulheres.

Quem deseja ingressar na PM/SC já deve começar a se preparar. A carreira de policial é muito procurada por quem tem interesse em trabalhar em um dos serviços públicos responsáveis por manter a ordem na sociedade. A banca organizadora ainda não está definida, mas o edital do último certame já dá uma boa ideia do que começar a estudar.

 

A Concurseria lança, em breve, um curso preparatório pré-edital para Soldado da PM/SC. As aulas são todas online e voltadas para quem quer largar na frente na disputa por uma das vagas do concurso público.

Curso pré-edital

O curso pré-edital para Soldado da PM/SC terá mais de 50 horas. Após a publicação do edital, as videoaulas são incluídas semanalmente até que todo o conteúdo específico da prova de 2018 seja estudado.

As videoaulas, todas disponíveis online, têm até 30 minutos cada. Os concurseiros e concurseiras ainda podem baixar o material da apoio em PDF.

Salário inicial

O salário inicial de soldado da PM/SC, na época do último certame, era de R$ 4.143,87. O valor incluía vale alimentação e indenização de serviço ativo.

Além das etapas do concurso, os aprovados para PM/SC realizam o Curso de Formação de Soldado, com duração de até 8 meses.

Requisitos

No edital de 2015, os requisitos para a carreira de soldado da PM/SC incluíam ser maior de 18 anos, mas não ter completado 30 anos até a data limite da inscrição no certame. Era preciso, ainda, ter ao menos 1,65m (homens) ou 1,60m (mulheres) e ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

A prova teórica é apenas uma das etapas do processo seletivo. Os concurseiros e concurseiras devem, ainda, ser aprovados em avaliações Física, Psciológica e de Saúde, além de passarem por investigação Social e exame toxicológico.